Tuesday, April 14, 2009

Ah Poeta!

Have Fun.Cherish your freedom. Use your passion and energy to inspire others,make things happen, and live life to the fullest.


http://www.cisco.com/web/about/ac49/ac55/Profile_Joao_Santos.pdf

Thursday, August 07, 2008

Máximas

Amizade
Diversão
Felicidade
Liberdade
e Paixão.

ficam para sempre. mas

Muhammad Ali
Andy Warhol
Bob Marley
e Jimmy Hendrix.

tomaram o seu lugar.

Wednesday, February 20, 2008

Another Joaosism

Nothing should last more than 2 hours.

Sunday, October 14, 2007

simple but brilliant car ad

Wednesday, October 03, 2007

Monday, August 20, 2007

FunFunFun







Ipod Ad starring Mikko - Making of

Wednesday, July 25, 2007

Did they cut all the good answers?!

Tuesday, July 03, 2007

olfacto

penso que o olfacto é o mais misterioso, inconsciente, inevitavel e poderoso sentido de todos!

ver ou ouvir coisas que nos transportam para o passado transmite-nos sentimentos no momento, mas o mix de reacções que um perfume, o cheiro de uma rua ou de certa comida nos provoca é inexplicavelmente muito mais forte!

Thursday, June 28, 2007

Monday, June 18, 2007

life's vol.II - work. [engravatado de fresco]

My last post was in English so that my foreign friends could understand it and so will this one.
I'm just writing to let you all know that i've finally finished my degree and i've just started working at IBM. It's huge as you all know and after a week i haven't even been able to meet half of the 80 people that work in my floor (one of the 14 the building has..), but... I LIIIIIIIIKE :)

next year i plan to start a masters taught from 6-9pm so that i can continue my hardworking life.

hope everything's fine with you wherever you are.

miss you.

keep blogging.

joao

Friday, March 30, 2007

Exams, Thailand & Cambodia, GOODBYE

Hey GwaiLo people!

I haven't been able to update this blog with the goodbye parties, last trip (to thailand & cambodia) and wrap up stories and photos, although that was how I ment to say 'see you soon' to everybody.

This way i decided to write a small post just to say i'm alive and:
- back in lisbon,
- partying with those i left behind to be with you strange, alcoholic and gay people,
- doing my final university project ( building a hotel, any ideas? ) ,
- going to ankle phisiotherapy ( damn soccer cage! ... fuck, no, football cage! )
- and looking for a cool job.

Hope all of you are doing great whichever continent you are.

hugs and kisses,

Joao

Thursday, January 11, 2007

233



Tuesday, January 02, 2007

New Year's Eve 2007

Desejo a todos um 2007 em grande!

Depois de umas belas férias por Portugal regressei ao Oriente. Aterrei em Hong Kong às 5 da tarde de dia 31 por isso não houve tempo para grandes preparativos. Eu e o Ricardo combinamos com os 3 colombianos (Sebastian, Juan e seu primo - que por trabalhar em Londres tem um sotaque muito British, algo estranho e cómico num sul-americano) e mais tarde juntamo-nos a Claire, Tuomas e Lynna para uma ceia de fim-de-ano num restaurante australiano que nos custou a fortuna de 300HK$ ( 30€ :p). Era suposto termos assistido ao fogo-de-artifício na Avenue of the Stars mas fomos barrados por uma das centenas de controlos policiais que guiavam a multidão e portanto a nossa contagem decrescente foi feita num sítio normalissímo. Por alguma razão estranha (talvez o vento, talvez outra coisa qualquer..) não houve fogo-de-artifício, portanto não perdemos muito. Mais tarde seguimos para Lan Kwai Fong (zona central dos bares) onde reencontrei muitos dos estudantes de intercâmbio. No final da noite estava a dormir em pé, depois de 3noites praticamente em branco (a última em Lisboa, a da viagem transantlântica de avião- onde tive a sorte de ter um puto ao meu lado a vomitar o caminho todo- e a da passagem de ano), daí que o 1ºdia do ano tenha sido passado a dormir na minha bela cama Macaense. desejo a todos um 2007 cheio de paixão, felicidade, amizade, amor, diversão, realização e muita loucura perto de quem mais gostam, como espero estar também em breve.

Abreijinhos de ano novo.







Saturday, December 30, 2006

PORTUGnatAL


De 16 a 30 Dezembro estive em Portugal para poder rever família, amigos e sentir o conforto do clima menos húmido e a magnífica gastronomia Portuguesa.

Os dias foram passados por Lisboa, algumas jantaradas com a malta da Portela, da faculdade, a Gabriela e os lá de casa.

Estive também pelo Porto (Melres mais concretamente), como não podia deixar de ser, para a Consoada.

Aos que não pude rever,

Até breve!

Thursday, December 14, 2006

Hospital Singapura

Bom dia a todos!
Como Macau afinal ainda guardou alguma herança Portuguesa dia 8 de Dezembro é feriado pois claro. Dado a nossa enorme carga horária que só nos ocupa 3ª e 6ª feira tivemos então a oportunidade de viajar uma semana sem perder pitada da emoção universitária.

Assim, eu, o Ricardo e o Mikko decidimos acompanhar os colombianos Juan e Sebastian no ponto de partida (Singapura e Malásia) da viagem de mais de um mês que os sacanas dos sul-americanos decidiram fazer (baldando-se pura e simplesmente à última semana de aulas).

Por razões várias só escrevo sobre esta viagem algumas semanas depois da mesma ter acontecido, tal como sucedeu com a viagem a Guanzhou, portanto os pormenores ficam para discussões futuras em que me lembre de algo interessante. Por agora, fica o itinerário e algumas imagens. Saímos de Macau dia 6Dez directos a Singapura. Com o apoio da bíblia sagrada do Juan (‘’Southeast Asia on a Shoestring’’ da LonelyPlanet) instalamo-nos no Backpacker’s Inn por 6€/noite. Os dias foram preenchidos com passeios pelos bairro Árabe, Chinês, muito centro comercial (é inevitável entrar em algum, seja comprar uma garrafa de àgua, comer ou até para atravessar a estrada, estão em todo o lado!), alguns pontos turísticos como Sentososa Island Resort e os grandes arranha-céus e idas à St.James (que engloba 9! discotecas num só complexo) e à famosa Ministry of Sound.
Para mim foi um pouco mais complicado que para os restantes visto algo se ter passado (picadela dum insecto mutante qualquer ou algo do género) que provocou que me aparecesse uma ferida bem feia na canela, uma dor, ardor, rigidez e vermelhidão que se prolongava até à virilha, e que me fez conhecer melhor os corredores do Raffles Hospital que as ruas da cidade. Esta debilidade afectou-me o sistema imunitário a ponto de ficar ainda com uma otite e uma gripe e ir para Lisboa carregado com 10 medicamentos diferentes! Felizmente, após algumas semanas já estou recuperado! No último dia, já sem a companhia dos colombianos, fomos ao Zookout 2006, a maior festa de praia da Ásia com mais de 15.000 participantes. Muito bom :)
De Singapura seguimos para Kuala Lumpur-Malásia onde estivemos menos de 24 horas, em vez dos cerca de 3dias previstos, devido aos meus compromissos com as potentes injecções do Doutor.
A viagem através da Malásia foi espetacular! Sempre gostei de viajar, seja de avião, barco, comboio, carro, metro, trotinete ou jangada, mas tinha um ódio especial a viagens de autocarro. No entanto o autocarro que por 15€ nos levou numa viagem de 8horas tinha algo especial. Poltronas enormes, reclináveis quase a 180º, verdadeiros apoios para as pernas e uma distância suficiente do vizinho para que este não se possa babar no nosso ombro.
5 estrelas!
A estadia por lá deu apenas para ter uma panorâmica geral, visitar as enormes Petronas Towers e beber uma cervejinha Tiger.















Zoukout 2006

Monday, December 04, 2006

China mesmo China

Boa noite!
Já passou quase um mês desde esta viagem, mas por razões várias ainda não vos tinha escrito.
Alguns estudantes de intercâmbio com mais sorte do que eu têm créditos por frequentar uma disciplina chamada "Chinese Culture". Não aprendem a complicada evolução dos mercados financeiros asiáticos, complexos processos psicológicos que afectam o comportamento de consumo desta malta, nem sequer o complicado idioma. O objectivo é apenas saber mais sobre a cultura local de uma forma extremamente prática que inclui passeios, refeições em restaurantes tradicionais e idas a médicos diferentes do que estamos habituados.
Eu e o Ricardo decidimos juntar-nos ao grupo para uma visita de um dia. Visitamos Panyu e Guangzhou, fomos consultados por um um médico tradicional chinês, que depois de me olhar fixamente, sentir o pulso e observar a língua disse que eu tinha ''too much hot inside''. Não era um piropo, mas sim algo relacionado com o Yin e Yang, o positivo e o negativo, o equilíbrio.. e temos de ter energia quente e fria dentro de nós em proporções correctas. Aparentemente eu tenho demasiado quente!
Visitamos também o túmulo de um imperador chinês (e dos 30empregados que ele decidiu 'levar' com ele) e o respectivo museu. O almoço foi num restaurante medicinal-termal onde tivemos oportunidade de experimentar inúmeros pratos, cobra, feto de rã, entre outros que não percebi o que eram...
Ficam as imagens

Abreijinhos



















Sunday, December 03, 2006

Thirty Forever

Wednesday, November 29, 2006

Um J@ismo

Há-de chegar o dia em que vou aprender a gostar de toda a parafernália natalícia.
Até ver irrita-me, principalmente quando chega em Outubro e ainda sinto o sal do mar no corpo, a areia nos pés e o cheiro a Verão.

Tuesday, November 28, 2006

O que faz falta é animar a malta

Apanhados dos 90s na RTP



Tv Ad

Thursday, November 23, 2006

Crónicas de Macau

Boa qualquer coisa (conforme o fuso horário!),

Para começar, gostaria de vos perguntar que acham da nova imagem do ‘A Leste do Paraíso’, porreira?

Desde que comecei este blog, há quase meio ano, sempre tive alguma vontade de escrever e partilhar. Se calhar era aquela euforia inicial e também o facto de ter tido experiências diversas, a Summer School em Praga, o Verão em Portugal, depois a chegada a Macau, as primeiras impressões, as viagens.. tinha um certo gozo em descrever alguns episódios e se calhar tempo a mais!

Nesta altura as coisas arrancaram por aqui, o trabalho tem sido bastante e o próprio grupo de exchange students também está mais unido, naturalmente.

Daí que goste até de escolher algumas fotos para partilhar convosco (se bem que as vezes que a máquina sai de casa são cada vez menos..), mas já não tenho a mesmo entusiasmo para os fazer acompanhar com palavras!

Além do dia-a-dia, do fui aqui, fui ali, existem sempre aqueles pormenores que gosto de reparar e que penso terem alguma piada quando passados ao ‘papel’. No entanto, por três razões principais não me lembro de nenhum agora:

tenho problemas de memória

2º perdi a merda do telemóvel e tinha lá (além de todos os meus contactos, fotos, sms, etc..) uma série de notas relativamente a coisas para aqui escrever.

3º como não tenho escrito frequentemente esqueço ainda mais.

Ah, lembrei-me duma que acho digna de registo. Anda por cá uma alemã de seu nome Gaby. Naturalmente, o nome suscita-me uma certa curiosidade, então perguntei: “-Chamaste Gabriela?”. A resposta foi demais. “-Mais ou menos..os meus pais queriam-me chamar Gabriela, mas como sabiam que ia ter problemas a soletrar em todo lado o nome e que no fundo todos me iam chamar Gaby de qualquer maneira, então registaram-me como Gaby, mas chamam-me Gabriela”...

Sem comentários! :)

Mas focando-me nos grandes eventos desde que cheguei das Filipinas..

Logo no primeiro dia fez anos o Mikko, deu em jantarada (restaurante português, ah meu bitoque, meu bacalhau com natas..) e uma voltinha. Entretanto, já foi o aniversário do Fred, da Claire e do Juan, todos resultaram numas cervejitas num apartamento à escolha (o nosso continua virgem) e no roteiro habitual da noite.

O roteiro da noite, como descrevi no site da malta amiga da Portela é normalmente assim:

Jantar no San Pou ou restaurante Português (se bem que é 5vezes + caro), depois ir ao Irish Pub beber umas Super Bock (que lá os gajos têm), seguir para o Sands Casino, fingir que somos ‘gamblers’ e sacar umas bebidas à borla, seguir para o Bex que até é meio ocidental e para acabar a noite a decadência do DDs, a única discoteca, com mafiosos chinocas, putas tailandesas e uma banda ao vivo muito fraquinha a tocar os últimos hits (em alternativa passar para a parte dos putos locais onde há muito spuntzspuntz -música eletrónica- de DJs locais de péssima qualidade).
Em alguma altura da noite podemos ir para um karaoke tentar cantar canções de amor importadas do japão ou ir até às 'docas', onde pontifica o grandioso mp3 (com strippers no balcão).

Já que referi aí o Irish Pub, tenho de dizer que estou a ficar com um nível muito aceitável de domínio dos dardos, coisa que tinha jogado meia dúzia de vezes até vir para cá.

Ainda no capítulo festas, 6ªfeira passada foi festa da Associação de Estudantes da Universidade de Macau. Resultado? Festa das 19h-23h numa salita, uma musiquinha, só os membros da AE e os estrangeiros presentes, e pronto..fez-se a festa.

Passando para as lides académicas, tudo corre bem, gosto bem mais do que por cá estudo e a forma como é feito, existem muito mais apresentações, trabalhos, acompanhamento contínuo, um tipo não se torna aquele ser vagabundo, ignorado por professores debitadores de matéria, perdido no meio de um auditório, como por vezes me senti no ISCTE. De qualquer forma aqui, o estrangeiro é especial, é o centro das atenções, é quem sabe, é quem se exprime bem e muitas aulas acabam em centrar-se no que é que o ‘Yau’ ou ‘Wow’ ( ou lá no que se torna o simples ‘João’ quando não dito por Lusófonos) tem a dizer sobre os diversos assuntos. Recentemente, disse algo a uma Professora que a deixou estupefacta por um minuto...e culminou com a mesma a dizer que ia investigar e se mais ninguém o tiver feito, escreveria uma tese sobre o que sugeri. Desde que esteja nos ‘Agradecimentos’ por mim tudo bem!

Resumindo, tudo tem corrido bem e espero bons resultados em Janeiro. Recebi já avaliações a 3 das 5 cadeiras e, traduzidas para a nossa escala, foram um 14, um 16 e um 20! Ah, muita bom!

Para o ISCTE a única coisa que tive de fazer foi enviar o meu Currículo Vitae (revisto) para ser incluído no CD de finalistas. Ficou bem porreiro.

A vida académica tem também uma forte componente de representação diplomática, portanto além de uma apresentação sobre o ISCTE (para eventuais interessados em intercâmbio lá) e outra sobre Portugal tivemos o grandioso Open Day.

O Open Day consistiu numa feira com comidas e bebidas de cada País, uns folhetos e muitas bandeiras. Com o orçamento da Universidade e o apoio da fabulosa Casa de Portugal em Macau montamos uma banquita com vinhos, tremoços, pastéis de bacalhau, chouriço, broa, sumos compal, muitas, mas mesmo muitas bandeiras e folhetos. Sobrou ainda para uma belo jantar do “Santos” (o restaurante benfiquista de Macau), com direito a camarão, ameijoas e etc para mim e para o Ricardo ;)

Passando ao capítulo do desporto, para mim continua a ser nulo. A minha entorse de há 7semanas mostrava poucas melhoras, decidi ir ao Hospital, o médico ainda duvidou se não teria fracturado devido ao inchaço que ainda tenho, mas depois do raio X (mais um para a colecção), não teve dúvidas. Rotura de ligamentos. Bem bom... 3meses de inactividade total, aguinha quente e meia elástica. Se melhorar poderei então começar com fisioterapia e desporto moderado (em que o futebol não se inclui). Se não..terei de ser “reavaliado”...

Daí que o desporto por estas bandas se tem resumido a ver umas transmissões às 4 da manhã para matar saudades e assistir ao Grande Prémio de Macau.

Não sou grande amante do automobilismo mas o G.P gera grande alvoroço por aqui.

Aparentemente é dos circuitos citadinos mais respeitados internacionalmente e considerado catapulta para a Fórmula 1 (Schumacher, entre outros, correu aqui..)

Durante uma semana não se fala em mais nada, as ruas são transfiguradas, montam-se bancadas, aplicam-se protecções nas curvas e toca a queimar gasolina. Correm scooters, motas, turismo, formula isto, formula aquilo e culmina na grande corrida – Fórmula 3.

Graças a um convite do grande Devin (um Americano residente em Macau) tive a hipótese de ver a corrida em frente á linha de partida, na 1ª fila da bancada VIP e depois da prova, visitei as boxes, o pódio, a sala de imprensa etc.. obrigado Devin!

Bem, para quem não ia escrever já bati muita tecla.

Espero que gostem das fotografias, dos vídeos e da nova imagem do ‘A Leste do Paraíso’.

Abreijinhos,

João




Trajecto Universidade-Casa



Escadaria da Universidade
Sala de Computadores

Teclado multilingue


Os chineses são magrinhos.. além do peso, é o tamanho! haviam de ver os elevadores..
Pátio Interior

Vista Geral do Open Day

batalhão de fotógrafos! Veio imprensa à séria e tudo. A da direita é a Grace, coordenadora do programa exchange

Juan from Colombia
O sake Japonês vem até Portugal..

Duas Portuguesas cá radicadas.
Os nossos vizinhos das Filipinas
A distribuição de bandeiras Portuguesas gerou alguma loucura..
Benvindos ao Grande Prémio de Macau

Nas Pits (começando na box do Campeão Asiático de F3 - James Winslow)







Daniel e um piloto alemão
Press conference
O capacete do vencedor
Gosto desta..

Pódio I
Pódio II
O famoso piloto Macaense, André Couto, que já tive oportunidade de conhecer
Pódio em grande!